Divã

...

12 de ago de 2010

Pessoas Perfeitas

O que difere uma pessoa perfeita das outras?

Todas as pessoas se perguntam onde andará a sua pessoa perfeita, muitas dessas pessoas acreditam ter achado o seu par perfeito. Não duvido que isso possa ser verdade, mas apenas acho que a maioria mente pra si próprio ao dizer isso.

Quando nos deparamos com um inicio de relacionamento, todas as pessoas são perfeitas, atenciosas, carinhosas, dedicadas, românticas e outras dezenas de qualidades e quase nenhum defeito.

Mas essas qualidades duram pra sempre?

Quando iniciamos um relacionamento, sabemos quase sempre, muito pouco sobre nosso(a) parceiro(a). Aos poucos vamos descobrindo coisas em comum, porem, nesse mesmo tempo vamos descobrindo um lado da outra pessoa que não percebíamos no começo, coisas como ciumes, desconfiança, falta de respeito, entre outros possíveis defeitos.

E são essas pequenas coisas que com o tempo vão incomodando e tornando-se grandes problemas, peguemos o ciumes como exemplo, no começo é pouco, com uma chamada de atenção por algo besta, alguns meses depois virou motivo de brigas e discussões. E são essas coisas que destroem a nossa visão de perfeição nas outras pessoas.

O que difere uma pessoa perfeita das outras? [2]

O termo "perfeito" é algo radical demais pra ser usado, mas as pessoas insistem em usa-lo, por que sonham com a sua felicidade e acreditam que vão encontrar a felicidade no mesmo instante que encontram sua pessoa "perfeita".

Acredito que exista uma pessoa perfeita pra cada pessoa, uma pessoa pra completar a outra, alguém que de à sua vida um sentido unicamente novo, mas o problema é que são raríssimas as pessoas que encontraram essa pessoa.

Talvez você tenha passado pela sua pessoa perfeita, quem sabe na fila do banco, num mercado, ou esbarrou nela no shopping...

A vida é cheia de ironias, talvez você nunca encontre sua pessoa perfeita, talvez sua pessoa perfeita more na mesma rua que você. Você talvez leve anos pra achar a sua pessoa perfeita ou talvez tenha achado e só não percebeu ainda.

Mas apesar de tantas ironias da vida, uma coisa é certa. Se você pretende encontrar a sua "metade"
então você deve procura-la, mesmo que demore.

Um comentário: